segunda-feira, 10 de março de 2008

O movimento

O nosso movimento surgiu em Setembro de 2006, para tentar acabar de vez com a passividade de nossa torcida, pois acreditamos de verdade que torcida pode ganhar jogo. Podemos sim ser um 12º jogador nas arquibancadas! E time que joga com um a mais geralmente não perde!

Quando saímos de casa para torcer pelo nosso time temos que ter isso em mente. Devemos nos comportar como se fôssemos realmente jogar. Quando a bola rolar temos que dar o máximo de nós! Esse é o espírito que a Legião Tricolor vem tentando implantar em nossa torcida. Não queremos ser apenas espectadores, queremos participar ativamente de cada jogo, fazendo a diferença. Queremos sair do estádio exaustos como os jogadores.

Se você concorda com esta filosofia e está disposto a colocá-la em prática, com todas as suas forças, saiba que precisamos de você! Ou melhor, o Flu precisa de você! Junte-se a nós e faça tudo aquilo que estiver ao seu alcance!

Por outro lado, se você não concorda com esta filosofia ou não se sente capaz para tal, nós respeitamos imensamente o seu jeito de ser, mas pedidos por favor que você não se junte ao movimento apenas para fazer número. Nós não queremos ser apenas um aglomerado de pessoas que assistem ao jogo em pé. Definitivamente esse não é o nosso intuito.

Por favor, não entendam isso como algo arrogante ou coisa do tipo. O movimento está em evidência e isso tem atraído muitas pessoas pra perto da gente mas que ainda não entenderam o espírito da coisa. Pessoas que juntam a nós sem a disposição necessária para incentivar o time cantando, pulando e balançando bandeiras, acabam destoando daqueles que já entenderam e assimilaram o espírito da coisa.

Enfim, pedimos àqueles que estão chegando que não deixem de ler o estatuto e as recomendações. Não basta apenas simpatizar ou achar legal a nossa ideologia, é preciso assimilá-la e incorporá-la!


À galera mais antiga e aos novos que já entenderam a alma do movimento: precisamos dar o máximo de nós, SEMPRE! Somos o exemplo para a rapaziada que está chegando. Se nos policiarmos em fazer o famoso “quadrado mágico”( pessoas que cantam devem ficar próximas à bateria), tudo fica mais fácil. A prática já nos mostrou isso. E é claro, cantando e pulando até a cabeça explodir e a coluna dizer chega. Cansou? Para, dá uma cadenciada, respira, canta num tom mais baixo, passa a bandeira pra outro, etc.

Cantar é tom mais baixo e confortável é uma boa dica, pois é possível assim cantar por muito mais tempo, cantar não é gritar. Cada um deve encontrar o tom certo parar prolongar o canto por no mínimo 90 minutos, NO MÍNIMO.

É isso galera, o recado é esse. Nosso movimento é 100% espontaneidade.


O FLUMINENSE SOMOS TODOS NÓS!

3 comentários:

Pati disse...

O blogg fiicou show,
parabéens pelo trabalho =D

o fluminense somos nós!

st.

Rai disse...

Muito show !!!!

Mario disse...

Poxa! Vcs poderiam colocar as letras das canções para que possamos incentivar mais e mais.
ST